Como melhorar a segurança do viajante de negócios

474

Written by:

O que é o mais importante em um programa de gestão de viagens? De acordo com uma pesquisa realizada pela Global Business Travel Association – GBTA, em 2018, cerca de 30 por cento dos compradores de viagens não sabe quanto tempo levaria para confirmar a segurança de seus funcionários em caso de emergência. O estudo mostrou ainda que apenas de um por cento dos programas de viagem têm um profissional disponível para ajudar os viajantes em qualquer hora do dia ou da noite, durante sete dias por semana.

 

Existem várias questões que pautam a segurança durante um deslocamento profissional, como segurança para as mulheres que viajam sozinhas, por exemplo. Essas preocupações dizem respeito à integridade física, tais como localização e hospedagem. Em qualquer situação, a segurança dos viajantes precisa estar em primeiro lugar e precisa ser consolidada ainda na fase de planejamento.

A Casablanca Turismo, especialista em viagens corporativas tem informações importantes que podem ajudar a minimizar riscos e aumentar a segurança dos colaboradores;

1. É preciso entender o roteiro em detalhes e a melhor forma de fazer isso é analisando bem todos os locais onde o viajante corporativo vai passar.

2. Verifique a localização do hotel, veja se atende às necessidades de proximidade com o trabalho e com os principais pontos da cidade.

3. Identifique com antecedência as opções de deslocamento e de alimentação no destino.

4. Não esqueça de checar a documentação necessária para a viagem. Documento de identidade e de viagem, carteira de habilitação, vouchers de serviços, como locação de carros, por exemplo.

5. Planeje os deslocamentos e os meios de transporte. Veja aonde você pode ir a pé ou se vai usar serviços públicos de transporte, ou mesmo um transfer contratado. Esses serviços podem ser mais caros.

6. Para deslocamentos mais longos, pode valer a pena alugar um carro.

7. Observe como manter contato com sua agência de viagens em qualquer momento da viagem. Veja se o atendimento funciona 24 horas, sete dias por semana.

8. Não esqueça equipamentos e gadgets. Além de ferramentas de trabalho, notebooks e smartphones são o principal canal de comunicação com a empresa e com sua agência.

9. Faça uma relação de telefones úteis para casos de emergência, como polícia, bombeiros, ambulâncias, convênio de saúde, contato da empresa, entre outros.

10. Sempre contrate um seguro viagem ou uma assistência viagem para cobrir problemas ocasionais que podem ocorrer durante a viagem. Todos estamos sujeitos a contrair gripes resfriados ou alergias, por exemplo.

Mas a principal dica é: tenha sempre o apoio e atendimento de uma agência de viagem corporativa. Só isso pode minimizar riscos e resolver imprevistos ocasionais.

Last modified: Abril 4, 2019

Comments are closed.