5 perspectivas de mercado para 2020

261

Written by:

O mercado de viagens corporativas é dinâmico e só cresce no mundo todo. Segundo estatísticas da GBTA Foundation, até 2020 esse fluxo irá dar um ativo de receitas de cerca de US$ 1,6 trilhão. E você sabe quais são as principais perspectivas e tendências para essa área que cresce cada vez mais no mercado? Leia abaixo a nossa lista e conheça:

1 – Compartilhamento será cada vez mais o segredo do negócio

turista asiático com tablet na rua escolhendo hotel online

Foi-se o tempo em que as empresas optavam apenas por reservas em métodos tradicionais para seus colaboradores. O uso de dispositivos de economia compartilhada só cresce cada vez entre mais os gestores de viagens, que passaram a considerar opções como AirBnb para essas questões. E o CEO da empresa, Brian Chesky, recentemente, passou a incluir hotéis na sua oferta na plataforma, o que também passa a ser um acréscimo ao mercado de viagens corporativas. Com isso, o sistema de gestão corporativa de uma agência acaba tendo uma opção a mais na hora de oferecer os planos para seus clientes. 

No quesito transporte, principalmente em relação aos deslocamentos dentro da cidade em que o colaborador irá ficar, uma opção que já é realidade é o uso crescente de aplicativos de motorista particular como Lyft, Uber e Cabify. 

2 – Olho aberto para os “Millenials”

grupo de amigos jovens de diversas etnias batendo uma selfie na câmera com pau de selfie

É esperado que até o de 2020 os Millenials sejam responsáveis por quase 50% da fatia do mercado de viagens corporativas, segundo o Boston Consulting Group. Esse público, que já nasceu imerso num mundo tecnológico, tem demandas cada vez maiores por informatização e também por experiências ainda mais personalizadas. 

Além de enxergarem as viagens como um diferencial ao seus trabalhos, 39% desse público admite que só aceitaram um emprego que oferecesse essas oportunidades de viagens de negócios, de acordo com a pesquisa da mesma consultoria.

3 – O bleisure veio para ficar

mulher jovem usando notebook na praia de frente para o mar

Viagens a negócios ou a lazer? Por quê não unir as duas ao invés de separar? A tendência que vem aumentando exponencialmente nos últimos anos tende a se amplificar mais ainda no ano de 2020. 

Aliar trabalho e diversão é algo esperado e desejado por muitos profissionais e essa modalidade de viagem oferece a chance de conhecer melhor o local de destino, um pouco da cultura e dos costumes daquele lugar. Além disso, é grande a possibilidade de se criarem e fortalecerem novas conexões, sejam de trabalho ou pessoais. 

4 – Personalização e atenção ao bem-estar

mulher sorrindo lendo mensagem no smartphone no aeroporto

As experiências de cada viajante são únicas. Para que cada colaborador consiga fazer a sua viagem e tenha o melhor aproveitamento da atividade possível para a sua empresa, é necessário que a viagem seja adequada às suas demandas. Por isso as empresas têm investido cada vez mais na personalização de seus serviços para adequá-los da melhor forma às demandas de cada empresa e profissional. 

Fazem parte dessa personalização os serviços de reservas flexíveis, prioridade de embarque, wi-fi a bordo, além dos serviços auxiliares quando da chegada do colaborador no destino como reservas de restaurante, aluguel de carro, etc. Com um sistema de gestão de viagens inteligente, é possível uma personalização de acordo com o propósito necessitado. 

Uma maior personalização também direto à demanda crescente dos Millenials nas viagens corporativas, pessoas que já nasceram imersas num mundo tecnológico e desejam ter sempre sua vida facilitada com as inovações digitais.

Os voos cancelados, horários remarcados, tempo longe de casa e hábitos não-saudáveis, podem fazer com que os colabores sintam-se desgastados e estressados numa viagem. Para tentar evitar esse tipo de situação, ou até mesmo lidar com elas da melhor maneira, é interessante que os gestores coloquem o foco nas pessoas, antes das políticas de viagem. 

5 – Encontros presenciais não perdem força

grupo de colegas de trabalho rindo num escritório

Mesmo com o avanço e próspera difusão das tecnologias de videocomunicação, os encontros presenciais ainda são estratégicos e fundamentais para uma infinidade de empresas. E essa também é uma tendência apontada por especialistas se estabelecer com grande força no ano. Michael Massari, diretor de vendas da Caesars Entertainment, readaptando um provérbio romano disse o seguinte: “Se não for importante, mande um email. Se for importante mas não é tão crítico, pegue o telefone. Mas se for crítico, vá encontrar alguém”.

Desenvolver relações, sejam elas pessoais ou de trabalho, é imensamente mais plausível e provável se as pessoas estão em contato cara a cara, umas olhando as outras. Ter a comunicação restrita a videoconferências pode acabar custando caro para uma empresa e não ser tão vantajoso assim para a corporação, no final das contas. Por isso, é fundamental analisar as diversas variáveis de uma viagem de negócios e entender que elas por muitas vezes são fundamentais para alavancar mais ainda as ações da empresa e a motivação dos colaboradores.

 

Quer ficar por dentro dessas e de outras tendências do mercado de viagens corporativas? Procura com a gente, teremos a maior disponibilidade em atendê-lo e gerenciar da melhor maneira a viagem de negócios da sua empresa.

Conte com especialistas da Casablanca Turismo para realizar todas as atividades necessárias que competem à sua viagem corporativa. Ligue para a gente ou fale com nossos agentes.

Last modified: julho 17, 2019

Comments are closed.