Como driblar os principais desafios em viagens de negócios

199

Written by:

Uma viagem para um lugar nunca ido sempre traz algo de desafiador inerente aquela jornada. No caso de uma viagem a negócios, um colaborador que nunca viajou nessa modalidade, ou melhor, que está entrando numa empresa nova e vai pela primeira vez viajar levando o nome daquela corporação, também pode ter algum tipo de dificuldade ao lidar com essa nova perspectiva.

Existe uma maneira adequada para enfrentar melhor esses possíveis obstáculos que apareçam no caminho de quem irá embarcar? Aqui no blog mostraremos como driblar os problemas que possam surgir e como transformá-los em oportunidades de crescimento pessoal e profissional.

Desvio de foco

Você trabalha numa grande empresa de softwares e teve a oportunidade de viajar até Paris para participar de um evento empresarial e conhecer novas tecnologias de acessibilidade da empresa. Mesmo estando numa das capitais mundiais e mais belas cidades do planeta, é preciso manter o foco no trabalho. 

Todos os colabores que embarcam numa viagem corporativa devem estar cientes de que o mote principal daquele empreendimento será cumprir suas metas profissionais. Mesmo que seja um bleisure, o objetivo primário do percurso está sendo o trabalho, então, é essencial que isso seja o pensamento básico dos viajantes. 

Com uma organização básica de atividades, o colaborador pode viajar tranquilo, cumprir seus compromissos profissionais e, muitas vezes, dependendo do propósito e do tempo da estadia, ainda encontrar um tempinho para conhecer algo do lugar em que está hospedado. 

Choque cultural

Procure estudar e minimamente conhecer alguns dos hábitos específicos do local em que você vai. Isso vale para qualquer tipo de viagem e para uma empresarial não seria diferente. Cada local tem suas dinâmicas e modos de vida, então é necessário que os gestores estejam atentos a isso e, com o auxílio da agência de viagens, contribuam com seus funcionários para um melhor discernimento da cultura da região. 

Existem lugares na África e Oriente Médio em que mulheres necessitam usar burca, assim como também há outros lugares da Ásia em que os costumes são bem diferentes dos ocidentais. Então, os colaboradores precisam estar atentos para evitar deslizes que podem atrapalhar a saúde dos negócios na viagem. Caso algo embaraçoso venha a acontecer, o que se deve fazer é pedir desculpas formal e adequadamente. 

 

A viagem não é “de graça”

Não é porque a sua empresa está dando uma oportunidade de viajar a trabalho para o colaborador que ele verá a viagem como “gratuita”. Na verdade, existem muitos custos envolvidos em todo o processo e é fundamental que o colaborador entenda minimamente essas despesas para que não possa cogitar pensar assim.

Com uma política de viagens bem planejada e claras regras definidas acerca dos detalhes e gastos da viagem é viável conseguir uma gestão inteligente de viagens corporativas. Para isso, é fundamental que uma agência com experiência e expertise sobre o assunto esteja presente e deixe as empresas seguras para investir seu capital nesse tipo de empreendimento. 

 

Quer saber como driblar todos os desafios numa viagem de negócios? Procura a gente, teremos a maior disponibilidade em atendê-lo e gerenciar da melhor maneira a viagem de negócios da sua empresa.

Conte com especialistas da Casablanca Turismo para realizar todas as atividades necessárias que competem à sua viagem corporativa. Ligue para a gente ou fale com nossos agentes.

Last modified: agosto 1, 2019

Comments are closed.